Previsões para a cerimónia dos Oscars

A noite mais importante do ano para o cinema é já amanhã. Numa cerimónia apresentada por Jimmy Kimmel, os Oscars irão galardoar aquilo que de melhor se fez na sétima arte ao longo do ano. E por isso, aqui no Sala Cinematográfica decidimos tentar prever quem são os mais prováveis de vencerem as prestigiadas estatuetas douradas, enquanto apresentamos quem seriam, na nossa opinião, os justos vencedores.

Vamos então começar.

Melhores efeitos visuais:

Quem vai ganhar: O Livro da Selva

Pode surpreender: Doutor Estranho

Esta parece ser uma das categorias mais certas. A adaptação do clássico da Disney apresentou-nos um mundo praticamente criado na sua totalidade por computador, sendo dos mais impressionantes desde “Avatar”. “Doutor Estranho” pode surpreender, mas o prémio deve ir, e de forma justa, para “O Livro da Selva”

Melhor mistura de som:

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: O Herói de Hacksaw Ridge

Este deverá ser de “La La Land”. A academia gosta de premiar musicais nesta categoria, por isso a vitória é quase certa.

Resultado de imagem para hacksaw ridge

Melhor edição de som

Quem vai ganhar: O Herói de Hacksaw Ridge

Pode surpreender: La La Land

Tendencialmente, esta categoria vai para o filme de guerra e por isso é muito provável que a vitória seja de “O herói de Hacksaw Ridge”. “La La Land” também tem grandes possibilidades de vencer, e “Arrival” não está excluído.

Melhor design de produção

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: Monstros fantásticos e onde encontrá-los

Arrisco-me a dizer que este é quase certo que vai para “La La Land”. Qualquer um dos outros poderia surpreender, mas o musical de Damien Chazelle deve ter este garantido.

Melhor banda sonora

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: Sejamos sinceros, aqui não vão haver surpresas

Esta deve ser a categoria mais fácil de prever. “La La Land” já tem a vitória “no bolso”, e acho que não há qualquer forma de lhe escapar. Afinal, quem é que pode tirar este prémio a um musical?

Melhor música original

Quem vai ganhar: “City of stars” – La La Land

Pode surpreender: “Audition (The fools who dream)” – La La Land

E aqui temos “La La Land” contra “La La Land”. Aposto que o derrotado vai ficar muito chateado. Numa nota mais séria, “City of Stars” é a clara favorita, tendo ganho o galardão em praticamente todas as cerimónias de prémios. É claro que a genial “Audition (The Fools Who Dream)” pode conseguir a vitória. Com toda a ironia, vai ser uma vitória e uma derrota para o musical.

Melhor edição

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: O Herói de Hacksaw Ridge

Mais um que deve ir para “La La Land”. Apesar de “O herói de Hacksaw Ridge” ter surpreendido nos BAFTA, parece-me que a academia deve ir antes com o filme de Chazelle.

Melhor maquilhagem e cabelo

Quem vai ganhar: Star Trek: Além do Universo

Pode surpreender: Esquadrão Suicida

Esta categoria deve ir para um dos blockbusters. Acredito que mais facilmente vá para “Star Trek”, mas é claro que “Esquadrão Suicida” também tem hipóteses. Já “A man called Ove” deve estar excluído da vitória.

Melhor cinematografia

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: O primeiro encontro

La La Land foi de longe o filme mais bonito do ano, e deverá ser premiado por isso. Também me parece que aqui não existem grandes dúvidas.

Melhor guarda-roupa

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: Jackie

Esta é, para mim, uma das categorias mais incertas. Honestamente penso que os dois acima indicados devem ser os favoritos, mas qualquer um deles pode levar a estatueta

Melhor documentário

Quem vai ganhar: O.J.: Made in America

Pode surpreender: 13th

Com as sucessivas vitórias de “O.J.: Made in America”, esta categoria também me parece quase certa.

Melhor filme estrangeiro:

Quem vai ganhar: O vendedor

Pode surpreender: Toni Erdmann

Ok, esta é a categoria mais difícil de prever. Se me perguntassem até há pouco tempo quem achava que ia ganhar, diria sem qualquer dúvida que seria “Toni Erdmann”. No entanto, o panorama mudou radicalmente, principalmente por motivos políticos: com a proibição à entrada de pessoas de sete países nos EUA, imposta por Donald Trump, a comitiva de “O vendedor”, que é iraniana, vai se ver impedida de estar presente na cerimónia. Ora, parece-me que os Oscars vão aproveitar esta categoria como forma de atacar a imposição de Trump. Poderá ser o momento mais político de uma cerimónia que de certeza que vai estar cheia do assunto. Mas como digo, esta é impossível de prever.

Melhor filme de animação

Quem vai ganhar: Zootopia

Pode surpreender: Kubo e as duas cordas

Esta categoria é quase garantida, e de forma justa, para o filme da Disney. É claro que “Kubo” surpreendeu nos BAFTA, mas parece-me impossível que repita com a academia.

Melhor argumento adaptado

Quem vai ganhar: Moonlight

Pode surpreender: O primeiro encontro

Será preciso quase um milagre para “Moonlight” não ganhar esta categoria.

Melhor argumento original:

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: Manchester by the sea

Vou jogar contra a maioria e dizer que “La La Land” vai vencer esta. É claro que é arriscado, visto que são dois argumentos de peso, e o realismo e peso emocional de “Manchester by the sea” podem acabar por convencer a academia, mas algo me diz que vai ser o musical a vencer. De qualquer das maneiras, são dois excelentes argumentos e dois filmes brilhantes, sendo que ambos mereciam o prémio.

Melhor atriz secundária

Quem vai ganhar: Viola Davis (Vedações)

Pode surpreender: Michelle Williams (Manchester by the sea)

Nesta categoria a vitória de Viola Davis é garantida. Tem ganho tudo o que há para ganhar, e por isso eu diria que é certo que não lhe vai escapar o Oscar. Michelle Williams pode surpreender pelo seu papel em “Manchester by the sea”, mas parece-me quase impossível que isso se verifique.

Melhor ator secundário

Quem vai ganhar: Mahershala Ali (Moonlight)

Pode surpreender: Dev Patel (Lion)

Já tive mais certezas de que Mahershala Ali ia ganhar esta categoria do que tenho atualmente. Ali começou a temporada de prémios a ganhar tudo, mas perdeu nos Globos de Ouro para Aaron Taylor-Johnson (que nem sequer foi nomeado para os Oscars, que optaram por Michael Shannon, também de “Animais Noturnos”), e nos BAFTA foi ultrapassado por Dev Patel. Parece-me que Ali continua a ser o favorito, mas não ficaria espantado se Patel acabasse por vencer, ou, quem sabe, o jovem Luke Hedges, que também esteve brilhante em “Manchester by the sea”.

Melhor atriz

Quem vai ganhar: Emma Stone (La La Land)

Pode surpreender: Isabelle Huppert (Elle)

Aqui parece-me que Emma Stone está garantida. A jovem atriz deve finalmente vencer o merecido Oscar, e não me parece que alguém lhe consiga estragar a noite. Huppert ou Portman podem surpreender, e Streep não está fora da corrida, mas deve ser Stone a brilhar.

Resultado de imagem para manchester by the sea

Melhor ator

Quem vai ganhar: Casey Affleck (Manchester by the sea)

Pode surpreender: Denzel Washington (Vedações)

Esta categoria já esteve mais certa do que está atualmente. De início, parecia que Affleck ia vencer o prémio pela sua colossal interpretação em “Manchester by the sea”, mas após alguma polémica (estúpida) sobre um antigo suposto “escândalo sexual” e a vitória de Washington em cerimónias-chaves, a vitória pode estar incerta. Washington também merece sem qualquer dúvida o prémio, e isto pode tornar-se interessante. E algo me diz que Gosling não está totalmente excluído da corrida à estatueta (se bem que a sua vitória parece altamente improvável).

Melhor realizador

Quem vai ganhar: Damien Chazelle (La La Land)

Pode surpreender: Barry Jenkins (Moonlight)

O jovem Damien Chazelle deve ter este garantido (e, na minha opinião, de forma justíssima). Jenkins tem uma certa chance, até porque por vezes a academia gosta de dar este prémio ao segundo filme na corrida a melhor filme (sim, estou já a prever que “La La Land” vai ganhar melhor filme), mas não me parece que vá escapar a Chazelle.

Melhor filme

Quem vai ganhar: La La Land

Pode surpreender: Moonlight

E finalmente chegamos à categoria principal, aquela para que estão viradas todas as atenções, e aquela em que temos um dos vencedores mais prováveis. Este é certamente de “La La Land”. Sejamos sinceros, alguém ainda tem dúvidas? Quer dizer, o musical ganhou tudo o que havia para ganhar e é o tipo de filme que apenas aparece de muito em muito tempo. É um filme único, com uma beleza excecional, e com uma energia contagiante. E é também o melhor filme do ano. A academia deve reconhecer isso.

Bem, e assim chegamos ao fim. Isto foi bem mais comprido do que estava à espera! Amanhã veremos quantas acertei e quantas errei. Será uma longa noite! Aproveito para salientar que vou fazer cobretura em direto no twitter do Sala Cinematográfica, por isso passem por lá! É só clicarem aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: